Homens são presos suspeitos de incendiar ônibus em BH e na Região Metropolitana

Segundo polícia, eles teria sido responsáveis por oito ataques. O motivo seria a morte do chefe do tráfico em Sarzedo.

lícia Civil prendeu quatro suspeitos de pertencer à quadrilha responsável por oito ataques a ônibus em Belo Horizonte e na Região Metropolitana. A onda de incêndios teria sido motivada pela morte do chefe do tráfico em Sarzedo.

Os homens negam participação. Todos seriam traficantes, segundo a polícia. Eles foram presos em Sarzedo.

De acordo com as investigações, os ataques aos coletivos começaram após a morte de Leonardo Souza Sá, suposto chefe do tráfico na região, em um confronto com a Polícia Militar, no dia 1º de fevereiro.

A PM informou que ele foi morto durante uma abordagem após apontar uma arma para os policiais. Doze dias depois, três ônibus foram incendiados em Sarzedo.

A polícia diz que a quadrilha ainda incendiou três ônibus em Belo Horizonte, um em Mário Campos e outro em Betim.

A ordem teria partido de Renato Rodrigues de Oliveira. Ele e mais três suspeitos estão foragidos. Outros dois envolvidos já foram identificados.

As investigações sobre os outros sete ataques ocorridos na mesma semana ainda continuam. No caso do incêndio no bairro Ribeiro de Abreu, na Região Nordeste de Belo Horizonte, três suspeitos já foram identificados.

Os suspeitos presos vão responder por crime de incêndio e organização criminosa. As penas podem chegar a 14 anos de prisão.

Neste ano, 12 ônibus foram incendiados na capital e 10 na Região Metropolitana, totalizando 22 ônibus queimados, segundo o Sindicato dos Rodoviários.

Na semana passada, o policiamento foi reforçado em pontos de ônibus da capital e em terminais rodoviários de cidades, onde ônibus foram incendiados.

Ônibus incendiado no bairro Olaria, na Região do Barreiro, em Belo Horizonte; ataque ocorreu na noite desta segunda-feira (13) (Foto: Reprodução/TV Globo)Ônibus incendiado no bairro Olaria, na Região do Barreiro, em Belo Horizonte; ataque ocorreu na noite desta segunda-feira (13) (Foto: Reprodução/TV Globo)

Ônibus incendiado no bairro Olaria, na Região do Barreiro, em Belo Horizonte; ataque ocorreu na noite desta segunda-feira (13) (Foto: Reprodução/TV Globo)

Apreensão de drogas

A Polícia Militar (PM) fez mais uma apreensão de drogas em Sarzedo, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, nesta terça-feira (21). De acordo com a corporação, os entorpecentes estavam dentro de toneis em uma mata, no bairro Brasília, e foram achados com ajuda de cães farejadores.

Desde a semana passada, a polícia vem fazendo uma operação contra o tráfico de drogas na cidade, e diversos ataques a ônibus foram registrados no município e em outros pontos da Grande BH.

Segundo a PM, nesta segunda, foram encontradas quase 600 pedras de crack, mais de 700 buchas de maconha, além uma barra e meia e uma porção grande da droga.

De acordo com o tenente-coronel Hércules Freitas, esta foi a sexta apreensão realizada na mata, localizada entre os bairros Brasília e Liberdade, desde o último dia 13.

COMPARTILHE